Skip to content

Fashion Rio – resumo primeiro dia

12/01/2012

Cinco marcas desfilaram as suas coleções inverno 2012 nas passarelas do Fashion Rio ontem. Nenhuma grande surpresa foi vista, porém as coleções estavam bem bonitas e já começaram a confirmar algumas tendências.

Herchcovitch, a marca mais esperada da noite, desfilou uma coleção inspirada no clima jovem e fresco dos artistas novaiorquinos dos anos 80, a vanguarda cultural e estética da época. A paleta de cores foi composta por verdes, azuis, vermelhos, laranjas, camelo, cinza mescla, preto, marinho e offwhite, já nas estampas apenas o camuflado e alguns “respingos” de tinta. O principal material foi o denin, que apareceu em recortes diferenciados e estruturados. O contraste entre peças secas e amplas contou ainda com a delicadeza da renda, com um estética de lingerie (referência sempre presente em suas coleções).

Acquastudio apresentou em sua coleção uma releitura dos anos 40 e 50. As cores seguiram duas linhas: a maioria invernal (azul escuro, vinho, cobre e outros metalizados) e para provocar um contraste foram usadas cores de verão como o rosa, o bege e alguns detalhes cítricos nos bordados (teve também sorbet colors viram?). As formas seguiram uma linha meio geométrica meio futurista, cinturas altas, saias abaixo do joelho e pouco volume, criando formas estreitas em looks estruturados. Nos materiais estavam algodão, cetim e o sintético “cyber” (imitação de couro) combinados com a leveza de tules e organzas.

Evidentemente, a Patachou teve como inspiração o Oriente, trazendo muitos tons terrosos, amarelos, laranjas, vinhos e pretos, acompanhados de muitoo dourado! As formas foram bem variadas, cinturas marcadas com reinterpretação do obis (o “cinto” das vestimentas tradicionais japonesas), formas alongadas ou marcadas por volumosas pregas. Os principais materiais foram tecidos  com brilho como o jacquard de seda, lurex, linho encerado e cetim de seda.

Alessa também teve como inspiração o Oriente, mais precisamente o tapete persa. Nas cores apareceram vermelhos, laranjas, amarelos e marrom, todos em tons pouco vivos. Nas formas a principal característica foi a fluidez.. tendo sido utilizada a técnica da moulage para formas ainda mais diferenciadas. Nos materiais: crepe de seda, tricô, algodão e jacquard.

Cantão trouxe em sua inspiração o conforto, as sensações, “perceber o mundo de dentro para fora”. Offwhite, verde, amarelo, azul, cinza e preto (olha as cores do Brasil aí!) fizeram parte da paleta da coleção, que contou com peças de formas arredondadas, casacos-mantôs de tricô, calças, saias, salopetes e vestidos despojados, mais amplos.

Até o momento o inverno tá bem colorido né? Até os desfiles que tiveram mais cores sóbrias, usaram uma cor contrastante para iluminar! Adoro isso, já que muitas vezes presenciamos as quatro estações em um mesmo dia.. assim podemos dar uma colorida nos looks sempre!

No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: